Posições da Roda Medicinal

Cada posição na Roda mostra uma oportunidade para crescimento, novas experiências, novos relacionamentos, novas idéias e novas maneiras de se enxergar a vida. Em se trabalhando com a Medicine Wheel, explorando-a, viajando através dela, nós podemos nos enxergar como um ser multidimensional. Vemos como podemos criar nossas próprias vidas e ter maior responsabilidade sobre ela, sobre quem e o que somos. É um grande desafio e também uma grande responsabilidade iniciarmos nossa jornada na RodaMedicinal de nossas vidas.

A jornada na Roda é a jornada da Alma explorando todos os aspectos da Vida. Não existe dualidade nela. Quanto mais você for entendendo profundamente o Leste, por exemplo, maior será a sua conexão com o Oeste. Outro aspecto essencial é a Gratidão. É muito fácil nos esquecermos da nossa dependência do resto da criação: árvores, minerais, animais, insetos, vento, sol. Quando esquecemos nossas interrrelações, nos isolamos e criamos a desarmonia. Quando esquecemos de honrar, esquecemos de amar, perdendo o contato com nossa própria alma. Gratidão é um estado de graça. Ela nos limpa e nos fortalece. Quando vivemos de uma maneira sagrada, conectados com todos os aspectos da Natureza, estamos ajudando a harmonia de todos que vivem no planeta. E por conseqüência a Mãe Terra.

A cada parada da Roda Medicinal, os totens nos ensinam e nos inspiram para caminhar na Roda da Vida, através de seus talentos, de sua medicina.

Entre os nativos tradicionais, o totem é o símbolo do nome, do seu sobrenome. Lendas ancestrais falam que o Grande Mistério transformou membros da família do urso, da família do veado, da família do lobo, e etc, em humanos de duas pernas, que deu origem a vários clãs, até os nossos dias. Muitos índios usam os nomes animais, tais como : Touro Sentado, Alce Negro, etc.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *