TRIBUTO À ANTONIO DUNCAN O XAMÃ DO REINO MINERAL

Tivemos a oportunidade de conduzirmos juntos, uma jornada xamânica no ano de 1995, além de nos encontrarmos em vários eventos. Duncan tinha 63 anos e fez sua passagem desta dimensão na madrugada de 18 de agosto de 2.007 (03h00min)

GRANDE E QUERIDO IRMÃO

“Que o Grande espírito te conduza pelas maravilhas do Universo. Os seres das pedras lhe prestam homenagens. Muita luz, amor e entendimento na chegada à nova morada espiritual acompanhado do amor de todos aqueles que te acompanharam nesta jornada pela Terra.”

Mensagem de Carminha Levy

Duncan, você fazia parte aqui entre nós desta tribo de “vidas que brilham”. Amigo fraterno partilhava todo seu conhecimento e abria caminhos para seus pares com a generosidade típica do seu grande coração. Pioneiro em tudo a que se propôs fazer, a expansão do uso da sabedoria das pedras aqui no Brasil deve-se a você, que absorveu o espírito e a essência delas e assumiu como missão de alma deixar seu poder curativo ao alcance de todos, através de seus livros e cursos realizados no Brasil e no exterior. Seu carisma e poder pessoal conquistaram os portugueses e Lisboa tornou-se o seu segundo lar. Tive a oportunidade de partilhar as curas realizadas por você com seu poder de xamã das pedras através de seus clientes, muito dos quais você me enviava para que eu fizesse o desenvolvimento xamânico. Condutor de almas entre nós como uma “vida que brilha”, você continuará a expandir o seu brilho na nova dimensão em que nasceu no dia 18 de Agosto de 2007. Não perdemos um irmão e amigo, ganhamos um novo guia, que com seu brilho irá nos acolher quando chegar a nossa hora de passagem.

No meu site xww.xamanismo.com.br divulgo parte da Obra de Antônio Duncan, como um chamado para continuar espalhando seu conhecimento.
Antônio Duncan foi um dos principais nomes no cenário do uso terapêutico e energético dos cristais e pedras preciosas.
Desde sua infância, em Niterói – RJ estabeleceu um relacionamento profundo com o mundo dos minerais, colecionando pedras e intuitivamente trabalhando energeticamente com elas. Membro de uma família tradicionalmente espiritualista, também desde cedo teve sua curiosidade despertada por todos os assuntos ligados ao ocultismo e à espiritualidade.
Seu trabalho na indústria fonográfica (produção de discos) permitiu-lhe inúmeras viagens a várias partes do mundo, principalmente Estados Unidos e Europa, onde frequentou diversos cursos e workshops abordando aspectos diversos do autoconhecimento e crescimento espiritual. Após a Convergência Harmônica, em agosto de 1987, iniciou um trabalho mais profundo ligado à energia dos minerais. Em 1988, frequentou a Cristal Academy de Katrina Raphael, em Taos, Novo México, USA.
A partir de então, participou das Conferências Internacionais de Metafísica da Fraternidade Pax Universal e começou a ministrar cursos e workshops para compartilhar seus conhecimentos.
Em maio de 1992 lançou seu primeiro livro; ABC dos Cristais que em pouco tempo teve suas quatro primeiras edições esgotadas, passando a ser um dos livros mais vendidos nesta área. Com o sucesso do livro e o aumento progressivo de suas atividades ligadas a espiritualidade, resolveu abandonar uma carreira de 25 anos na produção de discos, para dedicar-se inteiramente ao trabalho com cristais, começando a dar cursos e workshops em várias cidades do Brasil, e a fazer atendimentos individuais de energização e oráculo (aconselhamento através dos cristais) em vários espaços culturais de São Paulo. Em setembro de 1998, lançou seu segundo livro; O Caminho das Pedras.

Nos últimos tempos, além do trabalho com cristais, Duncan realizou trabalhos de vivências xamânica, viagens em grupo a lugares sagrados do Brasil e do mundo (como Grécia, Peru, Egito, EUA, México), e palestras e cursos sobre autoconhecimento e crescimento espiritual.
“Creio que a frase mais adaptável a minhas experiências de vida seria “um eterno buscador”, de conhecimento, sabedoria, paz e harmonia. Sou adepto da filosofia do “no stress”, e procuro sempre manter elevados meu bom humor e minha autoestima. Já tive incontáveis experiências nesta vida, vivi em lugares diferentes, conheci diversas culturas, e tudo isso contribuiu para uma visão mais ampla de minha própria verdade. E esta verdade procuro passar a meus companheiros de jornada, principalmente através da utilização de energias invisíveis mas presentes na Natureza, com destaque para o reino mineral (cristais e pedras), com o qual senti profunda afinidade desde a infância. Não me proponho a fazer o papel de “mestre” ou “guru”, pois acho que todos os seres vivos fazem parte de um todo, e não existe superioridade, cada um tem algo a ensinar.”
Antonio Duncan

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *